Transporte escolar: 5 exigências antes de contratar esse serviço

Transporte escolar: 5 exigências antes de contratar esse serviço

Lendo este artigo até o final você aprenderá sobre o Transporte escolar: Conheça as exigências antes de contratar esse serviço. Aprenda tudo sobre.

O início do ano letivo é sempre uma correria e ansiedade, não é mesmo?

Os pais precisam correr atrás do material, uniforme e também do transporte escolar. 

Se você é uma pessoa organizada, então é melhor deixar tudo preparado com antecedência.

E, uma das maiores preocupações dos pais é a questão do transporte escolar, muitos não sabem como funciona e acabam optando por outra alternativa para seus filhos.

Mas, se você está desempregado e possui carteira de motorista e deseja trabalhar com transporte escolar é preciso que você esteja por dentro das normas que serão exigidas.

Algumas escolas disponibilizam os veículos, outras já optam por terceirizar esse serviço.

E cada vez mais pessoas têm buscado esse tipo de transporte, principalmente aquelas famílias que moram em bairros mais distantes.

Outros pais têm uma rotina de vida bem corrida e não tem tempo para levar e nem buscar os filhos na escola.

Tornando o transporte escolar um serviço essencial para as escolas.

Entretanto, além do conforto, existem alguns cuidados que todos os pais que buscam pelo transporte escolar precisam saber.

Continue lendo este artigo para conhecer as regras exigidas por lei aos prestadores de serviço e também os cuidados durante o transporte dos filhos.

Quais são as regras exigidas por lei para o transporte escolar?

O Detran é o órgão responsável por estabelecer as regras em relação ao transporte escolar.

De modo geral, essas regras são classificadas em duas categorias: veículos e condutores.

Se tratando dos veículos de transporte escolar, eles precisam:

  • Estar inscrito no Detran no Estado onde mora;
  • Os veículos precisam ser inspecionados duas vezes ao ano, para avaliar a situação de todos os itens de segurança do veículo;
  • É preciso que o veículo contenha a faixa amarela nas laterais com a palavra “ESCOLAR” para uma fácil identificação
  • Possuir equipamento registrador de velocidade e tempo em perfeitas condições de uso;
  • Possuir lanternas de luz branca na parte superior dianteira e lanternas de luz vermelha na parte superior traseira;
  • Possuir cintos de segurança em cada assento em perfeitas condições de uso;
  • Ser autorizado pelo Detran a exercer essa atividade;
  •  Possuir esse documento de autorização fixado no veículo contendo a quantidade de pessoas permitidas, em um lugar que seja fácil de visualizar;
  • Respeitar o limite máximo de passageiros permitido.

Mesmo que você tenha entrado neste artigo por engano, e queira contratar uma empresa de mudanças da sua casa, entre em contato com a mudanças gato azul.

Cuidados ao contratar o serviço de transporte escolar

No Brasil as leis relacionadas ao transporte escolar são bastante exigentes.

Porém, existem alguns cuidados que os pais precisam ter para evitar problemas mais graves.

  1. Confirme se o condutor realmente possui a autorização para conduzir o veículo

Na maioria dos Estados, o site do Detran disponibiliza as informações sobre os veículos e condutores autorizados a exercer o transporte escolar, é preciso apenas o nome do condutor e a placa do veículo .

  1. Confira a autorização do trânsito no próprio veículo

Como falamos acima, todo veículo deve possuir a autorização fixada de forma visível no vidro dianteiro.

  1. Acompanhe o serviço diariamente

Esteja sempre observando o comportamento das crianças e também do próprio condutor ao buscar o seu filho. 

Pergunte ao seu filho se o motorista dirige rápido, e se todas as crianças estão usando o cinto de segurança.

  1. Exija sempre a presença de um monitor

Essa não é uma lei, mas converse com a escola e veja se tem a possibilidade de um ajudante estar presente dentro do veículo.

  1. Tenha anotado os dados do motorista

Não tenha medo de pedir informações pessoais do motorista como RG e números de telefone. 

Pois se trata dos seus filhos, o bem mais preciso que você tem, por isso, todo o cuidado é pouco.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.