Saiba como administrar uma loja virtual de sucesso

Saiba como administrar uma loja virtual de sucesso

Já faz tempo que uma loja virtual se tornou uma excelente oportunidade de investimento, pois muitas pessoas já perceberam as vantagens que ela traz.

O empreendedorismo cresceu muito no Brasil nos últimos anos, e dentre os modelos de negócios que mais crescem estão as lojas virtuais, que possibilitam vender produtos e serviços pela internet.

Mas, a principal dúvida que permeia esse tipo de empreendimento está relacionada ao orçamento necessário e ao controle financeiro que garantem um bom desempenho. É muito importante que o empreendedor saiba fazer as contas para esse negócio.

A princípio, pode parecer muito fácil abrir a loja virtual e começar a vender, mas se o orçamento não for previamente estabelecido, alguns problemas podem surgir.

Da mesma forma como acontece ao abrir uma loja física, é necessário investir na loja virtual, mesmo que os valores necessários sejam mais acessíveis. O controle financeiro é imprescindível e precisa fazer parte do planejamento.

Portanto, se tem dúvidas em relação a esse assunto, não deixe de ler este artigo, pois vamos mostrar como determinar um orçamento para montar a loja virtual, como regularizá-la e dar algumas dicas para um empreendimento de sucesso.

Como determinar um orçamento para montar uma loja virtual?

Os empreendedores de sucesso sabem tudo o que o negócio exige, principalmente em relação ao plano de negócios e ao gerenciamento financeiro. No que diz respeito à loja virtual, alguns passos precisam ser seguidos. São eles:

Determinar seus objetivos

O empreendedor precisa determinar o objetivo do negócio, pois sem isso não é possível crescer. 

Descubra o tipo de público que quer atingir, como vai se diferenciar da concorrência, a precificação e o catálogo de produtos.

Uma empresa de manutenção de câmara fria também deve pensar sobre o que pretende alcançar em curto, médio e longo prazo, depois todas essas questões vão formar as metas do empreendimento.

Fazer a lista de materiais

A lista de materiais também é importante para uma loja virtual, pois ela garante uma boa impressão para o negócio. 

Determine de que maneira o cliente vai encontrar alguns elementos na página, como:

  • Vídeos;
  • Fotos;
  • Atendimento ao cliente;
  • Programas de parceria.

Além disso, é necessário avaliar os custos e prazos de entrega, de modo que eles sejam favoráveis para a empresa.

Pesquisar os concorrentes

A concorrência sempre tem muito a ensinar, não apenas em relação à maneira como a loja precisa se encaixar no mercado, mas também sobre como ter um benchmark de sucesso, pois ele ajuda a companhia a crescer.

Sabendo o tipo de produto que vai oferecer para o público, como socorro auto 24 horas, fica mais fácil determinar o público que pretende atingir e pesquisar referências.

Isso também facilita na hora de determinar o orçamento e montar uma base de preços que o modelo de negócios precisa seguir.

Embora nenhuma marca seja capaz de suprir todas as necessidades dos consumidores, esse conhecimento ajuda a colocar as atividades em prática.

Montar o catálogo de produtos

Outro passo importante para determinar o orçamento é montar um catálogo de produtos, por meio do planejamento correto e de modo a estabelecer um balanço financeiro positivo.

Verifique quais categorias de produtos serão oferecidas, onde serão compradas, quanto isso pode custar e se você vai terceirizar.

Fazer o orçamento

Em uma planilha, registre toda entrada e saída de dinheiro, sempre estabelecendo uma prioridade, afinal, os recursos não são infinitos.

A empresa não pode gastar todo o dinheiro apenas para construir a loja virtual, pois futuramente vai precisar de verba para divulgá-la, entre outras necessidades.

Como regularizar uma loja virtual?

Assim como os estabelecimentos físicos, uma loja virtual também precisa se regularizar. A primeira coisa a ser feita é obter um CNPJ, por meio de um cadastro na junta comercial ou no cartório de pessoas jurídicas do estado.

Se isso não for feito, a loja não existirá oficialmente, mas apenas de maneira informal. As empresas de içamento que funcionam pela internet também devem procurar um alvará de localização e funcionamento.

Mesmo para os negócios digitais, isso é necessário para que eles tenham autorização de funcionar. As regras para obtenção de alvará variam de um estado para outro, assim sendo, consulte os órgãos locais.

A informalidade não é um bom caminho porque a loja não consegue emitir nota fiscal, o que pode lesar o cliente por diferentes razões. Negociar com fornecedores sem um CNPJ ativo também não é possível.

O empreendimento precisa da inscrição estadual, pois sem ela não é possível receber o ICMS (Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços). Dependendo do tipo de produto vendido pela plataforma, também é necessária a licença da vigilância sanitária.

Essa exigência é mais comum para negócios que comercializam alimentos, remédios e outros produtos que apresentam riscos sanitários.

Por fim, verifique se sua loja virtual precisa de licença ambiental, algo necessário para quem comercializa calçados e tecidos em geral.

Como abrir uma loja virtual de sucesso?

É possível abrir uma loja virtual que vem de todo tipo de produto ou serviço, desde roupas até limpeza de cadeiras de tecido. Mas, para que ela seja um sucesso, é crucial investir em algumas práticas, como:

Automatizar o controle de estoque

Quando o controle de estoque é feito manualmente, o negócio pode ter muitos problemas. É impossível acompanhar todos os pedidos 24 horas por dia e dar baixa em todos os produtos que saem manualmente.

Além disso, não acompanhar o estoque em tempo real pode ocasionar vendas duplicadas, que frustram o cliente e prejudicam o negócio.

Mas essa questão é fácil de resolver, pois basta adquirir um software de automação de controle de estoque. São ferramentas digitais que dão baixa automaticamente, após a venda.

Com isso, uma loja de móveis escritório completo tem mais segurança operacional e pode acompanhar o estoque em apenas alguns minutos por dia.

Contar com um profissional de logística

Os empreendedores que estão começando agora têm pouco tempo para pensar em soluções de logística e colocá-las em prática.

Algumas tarefas são necessárias, como empacotar e despachar diariamente as mercadorias, o que pode ser desgastante e inviável, caso não exista alguém dedicado a isso.

Se quiser, você também pode contratar empresas especializadas em logística, que se responsabilizam pelo empacotamento e a entrega, considerando as necessidades do lojista.

Esse cuidado evita problemas na hora de enviar os produtos, respeita os prazos estipulados e garante uma boa experiência para o cliente.

Investir em marketing digital

Assim como uma empresa de manutenção ar condicionado portátil, uma loja virtual precisa investir em marketing digital, para divulgar sua marca, produtos e serviços e atrair clientes.

Se o empreendedor estiver muito atarefado, não terá tempo de pesquisar as melhores estratégias e muito menos saberá executá-las do jeito certo, o que acaba desperdiçando verba.

Existem profissionais e agências de marketing com preços acessíveis e que oferecem pacotes de serviços simples, garantindo a eficiência das iniciativas.

O empreendedor, por sua vez, receberá relatórios periódicos sobre o desempenho das ações e poderá escolher diferentes estratégias de marketing, como o blog, e-mail, redes sociais, links patrocinados, dentre outros.

Estabelecer metas realistas

Estabelecer metas realistas é uma forma de direcionar o foco para ações realmente eficientes e que vão melhorar o desempenho e o futuro da loja.

Por exemplo, uma empresa de toldo para fachada vai definir onde deseja alcançar e as ações diárias que precisa trabalhar.

Por exemplo, você pode definir como meta alcançar um valor x de ticket médio em x meses, aumentar o alcance da marca, gerar um número maior de leads e assim por diante.

Contratar um bom servidor

Um servidor de qualidade e alta disponibilidade é mais resistente à falhas e é desenvolvido para manter os canais disponíveis, mesmo durante situações atípicas. Com isso, sua loja estará sempre disponível.

Por outro lado, se a plataforma de vendas apresenta instabilidade frequentemente, os usuários sentem muita dificuldade para comprar os produtos e serviços e acabam desistindo da compra.

Integrar e-commerce e marketplace

Se uma papelaria virtual que vende pasta escolar personalizada está começando agora, pode integrar sua plataforma de vendas com um marketplace. Trata-se de um site que vende soluções de vários outros lojistas, como se fosse um shopping virtual.

Essas plataformas possuem um grande número de acessos e possuem estratégias de marketing próprias, que indiretamente ajudam a divulgar sua loja virtual.

Considerações finais

Sendo assim, montar uma loja virtual é muito mais fácil se você souber como fazer, assim, seu negócio será um grande sucesso e valerá a pena cada centavo investido.

Neste artigo, você conheceu algumas formas de fazer isso, desde o planejamento financeiro, até a escolha das estratégias de marketing.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.