Quais os cuidados devo tomar após extrair os dentes do siso.

Quais os cuidados devo tomar após extrair os dentes do siso.

Uma das coisas que mais assusta as pessoas quando se fala em dentista, é a extração do dente do siso.

Porém, muito desse medo se dá pelas pessoas não saberem realmente o que são os dentes do siso, e as implicações que eles podem causar em sua saúde bucal caso não sejam tratados ou retirados corretamente.

Não é muito comentando para as pessoas se a extração do dente do siso é necessária, ou quais as implicações que esse dente pode causar para sua vida.

Por isso, é importante entender tudo desde o começo, sabendo do que se trata o dente do siso. A extração desse dente pode estar presente em plano dental empresarial, por exemplo.

Antes de explicar o que é esse dente, é relevante compreender a importância que as consultas odontológicas possuem.

A saúde bucal muitas vezes é ignorada, principalmente por pessoas que não tiveram o incentivo dos pais, o que acaba gerando complicações na higienização, resultando em diversas doenças bucais, caso não tratadas.

Por isso, é fundamental que desde cedo as pessoas tenham acesso ao dentista, já que são eles que vão direcionar e guiar você corretamente, principalmente no sentido de uma escovação correta.

Em alguns com um plano odontologico para empresas, os serviços são disponibilizados por um preço mais acessível.

O que é o dente do siso?

O dente do siso, também conhecido como dentes do juízo (nome esse dado pelo fato de que ele nasce no começo da vida adulta), são os últimos molares a nasceram, normalmente entre 15 e 22 anos.

São quatro sisos que nascem, sendo divididos em duas superiores e duas inferiores, nascendo de forma aleatória, não tendo um momento específico de nascimento.

Além disso, eles crescem nos extremos de cada lado, onde tempo que esse tempo leva para erupcionar varia de acordo com o espaço existente.

É pertinente saber que esses dentes não nascem de uma maneira regular, podendo nascer com formas irregulares e mal posicionadas, o que podem acarretar em problemas futuros, dificultando também na escovação.

O cuidado com o siso está presente em plano odontologico para mei, por exemplo, auxiliando no processo para a retirada.

Quando é necessário a extração desses dentes?

Agora que ficou mais claro o que é o dente do siso, é hora de saber quando você deve realizar a extração desses dentes, já que não é sempre que é necessário. 

 

Um dos principais indicativos que você deve remover o siso, é o fato deles estarem causando muita dor contínua.

 

Por mais que quando eles nasçam, independente da necessidade de extração ou não, causam muita dor, somente se essa dor for prolongada depois de erupcionar eles devem ser realmente extraídos.

Em alguns serviços essas extrações podem estar incluídas, então procure saber benefícios plano odontologico empresas e o que ele cobre.

Outro fator muito importante a se atentar é se esses dentes estão cabendo na sua boca. Muitas pessoas têm a boca e o maxilar grande, então acabam por não necessitarem da extração, já que não é complicada em nada nesse caso.

Além disso, os dentes muitas vezes não são alcançados pela escovação, por isso se tiver qualquer problemas como a cárie, por exemplo, procure um dentista para a extração imediata desse dente.

Cuidados na extração dos dentes do siso

Com o avanço da tecnologia, o procedimento de extração do siso é muito mais facilitado, diminuindo o risco de complicações, porém, deve-se sempre estar atento e prevenir para que esses problemas ocorram. 

A extração do dente do siso é algo fácil de entender, já que ele é basicamente a aplicação de anestesia local, e é realizada a retirada do dente, durando em torno de meia hora.

Algumas empresas possuem essa extração em seu plano, portanto, procure entender como funciona o plano odontologico da empresa.

Os cuidados no pós-operatório são relativamente simples e parecidos com outras extrações dentárias, porém devem ser seguidos à risca, já que podem acarretar em mais complicações, caso não realizadas corretamente. 

As principais recomendações no pós operatório são:

  • Tomar os medicamentos corretamente indicados pelo dentista;
  • Reforçar sempre a higiene bucal;
  • Evitar alimentos quentes e duros;
  • Repousar e evitar fazer movimentos bruscos.

Dessa forma, é possível entender que esse tipo de procedimento não é tão assustador quanto parece, e é extremamente benéfico para qualquer pessoa, já que evitará que problemas mais graves ocorram e irá manter sua saúde bucal em dia.

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.