Por que contratar serviços terceirizados?

Por que contratar serviços terceirizados?

Os serviços terceirizados passaram a ser muito discutidos nos últimos anos e confrontado empresários e sindicatos. 

Isso porque muitos profissionais acreditam que terceirizar as atividades traz mais eficiência e flexibilidade.

Por outro lado, existem aqueles que acreditam que a terceirização enfraquece os direitos trabalhistas, o que deixa muitas empresas sem saber o que fazer.

Tanto os gestores quanto os colaboradores precisam compreender qual é o real significado de terceirização e o que a legislação alega sobre esse assunto. Isso mostra que terceirizar envolve muito mais uma decisão de gestão e o custo não é a coisa mais importante.

As organizações mais bem-sucedidas do mundo observam diferentes aspectos para analisar diferentes situações e planejar de que maneira vão agir. O fato é que, no fim das contas, tudo o que as companhias querem é obter lucro.

Nesse sentido, o dinheiro acaba se tornando um dos aspectos mais relevantes na hora de decidir. Só que colocar a economia no processo central dos interesses da empresa pode fazer com que a receita diminua.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar o que são os serviços terceirizados, por que vale a pena contratá-los e quais são as vantagens trazidas por eles.

O que são serviços terceirizados?

Serviços terceirizados são um tipo de mão de obra contratada por outra empresa, para realizar determinado serviço, ao invés de contratar seus próprios funcionários.

Quando o trabalho é terceirizado, estabelece-se uma relação de consumo B2B (business to business), ou seja, de uma empresa para outra.

Esse processo é diferente de selecionar colaboradores e registrar contratos de trabalho dentro da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Apesar disso, se uma empresa de montagem de andaime tubo roll terceirizar uma mão de obra, quem vai prestar o serviço continua tendo seus direitos garantidos pela legislação.

São profissionais que possuem vínculo trabalhista formal, mas com outra empresa e não com aquela onde estão realizando seus serviços.

Apenas quando a contratação de profissionais autônomos e microempreendedores individuais é que essa questão não se encaixa.

Quando isso acontece, as relações trabalhistas não são formalizadas pela CLT, e o tipo de terceirização mais comum é com empresas que fazem faxina em diversos estabelecimentos, como:

  • Lojas;
  • Fábricas;
  • Bancos;
  • Escritórios.

Os profissionais são enviados para o local onde vão realizar o serviço, mas são pagos por outra empresa que os contrata e os envia para seus clientes.

Como falado anteriormente, boa parte das empresas que escolhem a terceirização, fazem isso para reduzir seus custos, depois deixam de arcar com encargos trabalhistas, como no caso do 13º salário.

Entretanto, lembre-se de que a empresa terceirizada precisa arcar com todos esses custos e obter lucro pelo serviço que oferece. Observando esse ponto de vista, uma empresa de higienização de bancos automotivos talvez não economize tanto.

Por outro lado, uma coisa é fato, pois não terá de arcar com tantas burocracias como acontece quando da contratação de um profissional.

Geralmente, o papel de uma empresa terceirizada é fazer um projeto de alta especialização, mas que dura um tempo mais curto. Nesse caso, os custos podem ser menores do que aqueles realizados internamente.

Esse processo não está relacionado aos encargos, mas sim, à uma questão de eficiência, pois a corporação vai obter profissionais sob demanda e com as especializações que ela precisa para as tarefas do dia a dia.

Nesse contexto, conclui-se que o objetivo da terceirização é trazer mais flexibilidade e agilidade aos processos internos.

Por que terceirizar?

Existem vários motivos pelos quais seu negócio deveria investir em terceirização, dentre eles está o fato de poder se concentrar no que realmente importa para a corporação.

Por exemplo, dentro de um fabricante de bateria para caminhão, o que importa é a qualidade de seu produto e o modo como ele é produzido, portanto, não pode e nem deve se preocupar com o serviço de limpeza.

Se ele tiver uma organização que faça isso, pode se dedicar com muito mais tranquilidade à sua expertise. O acúmulo de atividades pode prejudicar o crescimento da companhia, mas com a terceirização, sobra tempo para se concentrar no que gera renda.

Terceirizar processos que não fazem parte da atividade principal da corporação é algo muito mais econômico e evita problemas com assuntos que não deveriam ser de preocupação para o gestor.

Mas, para entender um pouco mais sobre por que seu negócio deve investir em terceirização, vamos conhecer um pouco mais sobre suas vantagens.

Vantagens dos serviços terceirizados

Até aqui, você já entendeu que a terceirização nada mais é do que utilizar serviços de terceiros e delegar atividades e funções da companhia.

Antigamente, apenas os grandes negócios contratavam empresas de gerenciamento de projetos e obras e outros tipos de terceirizadas, mas, atualmente, qualquer tipo de corporação pode contratar, e com isso ter acesso às seguintes vantagens:

Redução de custos trabalhistas e despesas

Os gestores sabem muito bem que contratar e treinar profissionais é algo muito caro, principalmente quando se trata de uma mão de obra extra para projetos curtos.

Entretanto, ao optar pela terceirização, os custos fixos com mão de obra são convertidos em custos variáveis, portanto, o negócio vai pagar apenas pelos serviços que consome. Mas, essa flexibilidade não é possível com funcionários internos.

Outra vantagem é poder adaptar o consumo dos serviços às necessidades da companhia, o que ajuda a dimensionar os custos, considerando a velocidade dos negócios.

Só por meio da terceirização é possível contar com recursos adicionais, tanto para demandas sazonais ou cíclicas, e liberá-las quando não forem mais necessárias. Como exemplo, pequenos e médios negócios não precisam de um contador 24 horas.

Embora o trabalho desse profissional seja muito importante e nunca deva ser subestimado ou ignorado, as pequenas empresas, ao contrário de uma especializada em laudo cautelar mais próximo, não precisa justificar salários o tempo todo.

Terceirizar o setor de contabilidade é uma forma de manter a confiabilidade de um funcionário dedicado, pagando apenas pelos serviços que consumir.

Acesso a recursos diferentes

Para contratar um novo membro para a equipe, é necessário investir em recrutamento e treinamento, tendo em vista que o profissional precisa conhecer o fluxo de trabalho.

Mas, ao terceirizar essa função, o provedor de serviços cuida exclusivamente desses custos, sendo responsável por fornecer conhecimento e experiências para a tarefa em questão.

São empresas concentradas em suas especialidades e os terceirizados se tornam mais conscientes sobre as mudanças e tendências de seu setor, além de aprenderem técnicas e desenvolverem suas habilidades constantemente.

Dentro de um fabricante de aparelho para rastreamento de veículos, os terceirizados acessam ferramentas e são totalmente capazes de resolver problemas, além de serem profissionais com habilidades especialistas.

Controla o fluxo de caixa

A terceirização muda um custo fixo por um custo variável, o que libera o fluxo de caixa para outros investimentos importantes para a corporação.

É a chance de melhorar os produtos ou até mesmo as estratégias de marketing, algo muito útil para organizações que estão iniciando novos projetos, como lançamentos de soluções ou a entrada em um negócio vertical.

Se a organização tem um investidor ou pretende incorporar essa pessoa no futuro, é fundamental ter um bom fluxo de caixa para investir em atividades que vão alavancar os investimentos e gerar receita.

Um fabricante de bateria carro não estará sobrecarregado com custos fixos e terá as finanças mais preparadas para se adaptarem a novas ideias e condições de mercado.

Outra vantagem é que a terceirização não precisa de investimentos em tecnologias ou infraestrutura personalizada.

Gerencia melhor os riscos

Algo que prejudica muito qualquer empresa é uma grande rotatividade de funcionários, e o prejuízo fica ainda maior quando existe todo um investimento por trás e mesmo assim o profissional não permanece na corporação.

A terceirização, por sua vez, aumenta o número de consistência dos negócios e se o gerente de recursos humanos deixar a corporação em um momento crítico, não será necessário contratar rapidamente outra pessoa ou se esforçar para preencher a vaga.

Isso porque a terceirização desse setor garante a continuidade de suas operações, sem nenhum tipo de risco ou interrupção, e a companhia pode confiar nas tarefas que serão realizadas dentro do orçamento.

Considerações finais

Portanto, uma empresa de limpeza predial, assim como tantos outros negócios, já se mostraram fundamentais no processo de terceirização porque facilita o dia a dia de seus clientes e melhoram as tarefas realizadas.

Vários setores costumam ser terceirizados, isso porque eles representam uma mão de obra necessária, mas que nem sempre a companhia consegue ou deseja cuidar por conta própria.

É uma forma de obter mão de obra qualificada, por um preço muito mais justo e sem toda a burocracia que envolve a contratação de pessoal.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.