Cadeias de Consagração: o que é, tipos, como funciona

Cadeias de Consagração: o que é, tipos, como funciona

-O significado das cadeias de consagração

O que são as cadeias de consagração?

Com o aumento da popularidade da Consagração a Nossa Senhora, tornou-se cada vez mais comum encontrar católicos utilizando as cadeias. 

A cadeia de consagração, ou corrente, é um sacramento desde que seja abençoada por um padre. 

É um sinal que qualquer pessoa possa ver de uma realidade invisível, que é a total entrega de amor a Jesus Cristo, pelas mãos da Virgem Maria.

O que é consagração? 

Na Bíblia, consagração significa dedicar algo ou alguém a Deus. Quando uma pessoa ou alguma coisa é consagrada, fica dedicado para o trabalho de Deus. Todo crente deve consagrar sua vida a Deus.

A consagração é um ato importante, que marca uma mudança na vida de uma pessoa, pois consagrar a Deus quer dizer abandonar o pecado e se dedicar a agradar a Deus em toda maneira de viver.

Alguns exemplos que podem ser consagrados:

  • Objetos
  • Ofertas
  • Alguns dias
  • Trabalhos
  • Ministérios
  • Pessoas

Algumas cadeias ou correntes passam despercebidas, pois podem ser mais  discretas, simples, sem brilho. 

Mas, outras chamam a atenção, pois são de ferro, mais grossas, e lembram a escravidão e pode causar reações não muito positivas. 

Tendo em vista que muitas pessoas desconhecem o verdadeiro significado da consagração e do uso das cadeias,neste artigo vamos explicar de uma forma prática, para que assim todas as pessoas possam entender o real motivo do uso dessas correntes.

Estas correntes também simbolizam o rompimento da escravidão do pecado.

Muitos jovens se denominam como escravos de Nossa Senhora, mas em primeiro lugar, precisamos entender o que é ser escravo da Virgem Maria. 

Pois, temos todo nós temos uma visão não muito agradável da escravidão e isso pode dificultar a interdermos o que é a consagração. 

Ser consagrado ou escravo de Jesus em Maria, significa pertencer ao Filho de Deus e a sua Mãe Santíssima, se entregar totalmente sem hesitar.

Pertencer a Cristo e a sua Mãe, e com isso faz de nós como verdadeiras propriedades e nisso a consagração tem semelhante à escravidão, pois os escravos também pertenciam aos seus senhores. 

Mas, a relação entre senhor e escravo não é a mesma na consagração, pois esta é uma escravidão de amor. 

Na escravidão que havia em nosso país, o senhor comprava os escravos com dinheiro e te assim tornava-se seu dono, para lucrar com ele ou usar para o trabalho. 

No caso de nós cristãos, Jesus Cristo não nos comprou com dinheiro, mas fomos comprados com seu próprio sangue.

Na Cruz, o Senhor deu Sua vida livremente, por amor, por cada um de nós, por isso pertencemos a Ele. 

Na consagração, nos entregamos por vontade própria como escravos, para amar e servir Aquele que nos amou primeiro, que veio ao mundo para servir e dar a sua vida em resgate de muitos.

Qual o significado da cadeia de consagração?

A corrente, ou cadeia, é um sacramento, e é um sinal visível da consagração, a total entrega de amor a Jesus Cristo, pelas mãos da Virgem Maria. 

Estas correntes também simbolizam o final da escravidão do pecado para a escravidão de amor a Jesus Cristo, que prometemos em nosso Batismo. 

Nós renovamos esta promessa na consagração que também é chamada de perfeita renovação das promessas do batismo.

Não sou contra nem a favor do uso de correntes mais finas ou mais grossas, pois o que vai falar mais alto é a atitude e o coração de quem as usa a corrente de consagração.

Dependendo dessa atitude, para uma pessoa pode ser melhor usar a cadeia mais fina e para outra pode ser melhor usar a mais grossa. 

Pois uma pessoa pode usar uma corrente grossa por vaidade, para chamar a atenção das pessoas ou para lembrar em todo tempo o momento que ela rompeu com o pecado, e que se fez escravo de Maria.

Outra pessoa pode usar uma corrente mais fina por vaidade, por achar mais elegante, bonita, ou por ser humilde, discreta, semelhante a Virgem Maria, o mais importante é o coração, a intenção da nossa entrega amorosa, total, simples e humildes escravos de Jesus Cristo e da Virgem Maria.

Um bom exemplo disso, é a floriza.com.br que trabalha com floricultura Goiania e comprou uma cadeia de consagração aço inox com a empresa chamada sacrisacessorios.com.br.

A pureza de coração nos leva ao amor, ao sacrifício, à renúncia das nossas vontades, uma pessoa não pode ser puro de coração se ela não ama de verdade, quem não está disposto a se doar pelo outro. 

Quem são as pessoas que com certeza nos amam? São aquelas pessoas que de alguma maneira se sacrificaram por nós, que perderam noites de sono por nossa casa, que não nos abandonaram nos momentos difíceis, que não descontaram quando as maltratamos, que sacrificaram a própria vida para que fizéssemos uma faculdade cara ou para que tivéssemos uma vida melhor. 

Podemos dizer que essas pessoas tem um coração puro, pois se sacrificaram sem exigir nada em troca, fizeram pelo fato de amar de verdade.

Da mesma forma, essas cadeias não são obrigatórias para os consagrados a Virgem Maria, os consagrados, fazem sacrifícios, se entregam sem reservas e usam as correntes por vontade própria, por puro amor a Mãe de Deus e ao seu Filho Jesus Cristo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.