5 Ferramentas para otimizar o seu marketplace

5 Ferramentas para otimizar o seu marketplace

Marketplace é uma plataforma utilizada no Brasil desde 2012 e funciona como uma espécie de shopping virtual. Ele é muito vantajoso para os consumidores porque reúne diferentes marcas em um único site, facilitando a busca pelo melhor preço.

Empresas conhecidas no mundo todo participam desse mercado, e muitos empreendedores se perguntam por que ele é tão popular hoje em dia. Mas se pararmos para pensar, não é tão difícil responder essa pergunta.

Isso porque se alguém abriu uma loja física de roupas, por exemplo, muito semelhante a de um concorrente, a concorrência já estará estabilizada no mercado e localizada em um local com bom movimento.

Agora, se o concorrente oferecer um espaço em sua própria loja para que o empreendedor pudesse divulgar seus produtos em troca de uma porcentagem dos lucros, faria um modelo de negócios muito semelhante ao marketplace.

As compras pela internet cresceram muito e as pessoas procuram os melhores lugares para comprar os produtos que precisam para as mais variadas necessidades. Mas quem possui uma plataforma dessas, precisa otimizá-la.

Pensando nisso, vamos explicar o conceito de marketplace e mostrar algumas ferramentas que você pode usar para auxiliá-lo. Acompanhe.

O que é marketplace?

Marketplace é uma plataforma que conecta vendedores e consumidores no mundo todo. É um tipo de site onde diferentes lojistas podem vender suas mercadorias, e por isso reúne uma grande variedade de opções.

É como se fosse um shopping virtual onde as pessoas podem comprar produtos de diferentes marcas em um único lugar.

Esse modelo de negócios cresceu tanto que, atualmente, é possível encontrar plataformas voltadas para diferentes nichos. Você pode comprar, por exemplo, camiseta básica e outros produtos muito procurados, como:

  • Eletrônicos;
  • Calçados;
  • Artigos para o lar;
  • Produtos de beleza;
  • Roupas.

Tudo o que você imaginar é possível encontrar nos diferentes marketplaces que existem na internet. Para funcionar, ele depende de 3 partes muito importantes, que são os donos da plataforma, lojistas e consumidores.

Os gestores são responsáveis por gerenciar o marketplace e oferecer um espaço de vendas onde os empreendedores podem vender suas soluções.

Os lojistas precisam fazer um cadastro e pagar uma comissão sobre as vendas que realizam ou uma mensalidade fixa.

Os clientes, por sua vez, podem acessar a plataforma gratuitamente e procurar os produtos que precisam entre diferentes marcas. Tudo está no mesmo site e a compra acontece por meio de um único pedido e um único pagamento.

É muito comum que as pessoas confundam o conceito de marketplace com o conceito de e-commerce, mas eles são muito diferentes.

Um e-commerce que vende persiana integrada motorizada é uma loja única, portanto, o lojista precisa cuidar de sua infraestrutura para realizar vendas na internet, como escolher uma plataforma de e-commerce e definir os meios de pagamento.

Também precisa trabalhar suas próprias estratégias para divulgar o negócio e conquistar mais visibilidade. O marketplace, por sua vez, reúne vários lojistas em um único ambiente, ou seja, vários sites de venda.

Ele funciona como um tipo de vitrine onde esses lojistas expõem suas mercadorias. Só que existem várias empresas compartilhando o mesmo espaço, o que aumenta a competição entre elas e reduz o preço para o cliente.

Quem tem uma plataforma e-commerce deve investir no marketplace para aumentar seus canais de vendas, portanto, ambos se complementam e impulsionam as oportunidades para os negócios.

Mas para garantir que o consumidor tenha uma boa experiência em seu marketplace, é imprescindível investir em algumas ferramentas.

Como otimizar o marketplace?

As ferramentas voltadas para a otimização do marketplace ajudam a criar e gerenciar sites voltados para os segmentos B2B e B2C.

Por meio delas, fica mais fácil reduzir custos, utilizar processos, melhorar a gestão de pagamentos e ter acesso a uma série de vantagens.

Por exemplo, um fabricante de máquina de café comodato terá acesso a várias funcionalidades que intermediam a venda online em um ambiente que centraliza essa ação.

Com isso, o consumidor terá uma experiência de compra confiável e segura. Dentre as principais ferramentas para o marketplace estão:

1.    Análise de dados

O uso de métricas ajuda a analisar resultados e a extrair as informações mais importantes sobre a plataforma. Ela consegue monitorar o engajamento dos visitantes, o desempenho dos vendedores, dentre outras informações.

É uma solução que ajuda a acessar as informações internas e externas, além de auxiliar o setor contra possíveis fraudes. Outra possibilidade é mensurar o retorno sobre os investimentos de maneira precisa e avaliar estratégias que funcionam ou não.

A análise de dados também é fundamental para compreender a reputação dos envolvidos, descobrir o que traz mais segurança para o processo, dentre outras questões pertinentes.

2.    Chatbot de atendimento

O chatbot é um recurso que melhora o atendimento ao cliente de um marketplace que vende, por exemplo, materiais de construção, como porta de alumínio para banheiro.

O atendimento é realizado por meio de inteligência artificial, além de ser programado com respostas padrão. O propósito é permitir que os atendentes se livrem de tarefas operacionais e repetitivas e se concentrem em solicitações mais complexas.

Com isso, é natural que a experiência do cliente melhore muito e que o serviço se torne mais eficiente, ao passo que solicitações mais simples são automaticamente resolvidas pelo sistema.

O uso de chatbot traz muitos benefícios para o marketplace. Por exemplo, é uma ferramenta ágil, tendo em vista que alguns consumidores abandonam a compra porque não conseguem ter acesso ao atendimento durante a etapa de decisão.

Em pouco tempo, o chatbot consegue atender os clientes, aumentar a satisfação das pessoas e reduzir o número de desistências.

Uma fábrica de brocas pode usar esse recurso em diferentes canais, como site institucional, redes sociais, aplicativos de mensagem instantânea e assim por diante.

É muito mais conveniente para o cliente que terá mais facilidade para entrar em contato com a plataforma e resolver qualquer problema.

Assim como as vendas acontecem 24 horas por dia, nos 7 dias da semana, é fundamental que o atendimento também funcione dessa forma, e o melhor recurso para conseguir isso é o chatbot.

3.    Ferramentas de automação de marketing

O conceito de automação de marketing é o uso de ferramentas que automatizam as estratégias de prospecção, nutrição e qualificação de leads, melhorando sua eficiência e tornando o negócio mais escalável.

Dentro do marketing digital, as ferramentas de automação de marketing são as mais importantes, pois otimizam o tempo e garantem excelentes resultados para o marketplace.

Por meio desses recursos, uma plataforma de revendas de vestuário, como jaqueta forrada, consegue oferecer atendimento personalizado, anúncios pagos, agendamento de publicações nas redes sociais, disparo de e-mails, entre outros.

4.    Split de pagamento

Outra ferramenta muito importante para o marketplace são aquelas que atuam na gestão financeira do negócio. O split de pagamentos é uma solução que automatiza a divisão dos valores das vendas entre os lojistas e a própria plataforma.

São recursos que se baseiam na criação de regras que padronizam as transações, independentemente de serem digitais, por boleto e até em casos de pagamentos presenciais.

O split otimiza esse processo de divisão de valores, além da taxa de administração. Com isso, é possível melhorar a gestão financeira da empresa e garantir a segurança de todas as transações realizadas dentro dela.

Um fabricante de estação de trabalho com divisória pode vender seus produtos tranquilamente, pois essas atividades não são feitas manualmente, o que aumenta a eficiência tributária.

5.    CRM

Por fim, a plataforma pode contar com uma ferramenta CRM, voltada para a gestão dos clientes e potenciais clientes. Pode ser usada para armazenar dados cadastrais, monitorar o comportamento dos usuários e centralizar interações em diferentes canais.

É justamente por conta de sua versatilidade que os sistemas CRM são fundamentais para o marketplace, sendo usado nas estratégias de marketing, vendas e atendimento.

Por meio dele, uma franquia terá todas as informações centralizadas em um único lugar, respeitando sua relevância e importância.

Devido aos seus recursos, o marketplace obtém insights que podem ser utilizados nas estratégias de marketing e tomadas de decisões relacionadas ao crescimento do negócio.

Considerações finais

Embora o marketplace reúna diferentes vendedores em um único lugar, também possui um grande número de concorrentes, afinal, existem muitas plataformas que oferecem exatamente o mesmo serviço.

Se você criou o seu marketplace e quer melhorar o desempenho dele, potencializar seu alcance e otimizar a experiência que ele oferece aos visitantes, verifique quais são as necessidades atuais e escolha a ferramenta mais compatível.

Esse investimento fará toda a diferença para o seu negócio digital e fazer com que mais vendedores e consumidores se interessem por ele.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.